por em Gravidez

Ainda sem Comentários

Passo-A-Passo-Da-Gravidez2

Os nove meses em que a criança passa na barriga da mãe, muitas coisas acontecem. Ao pensar que no tempo de nossas avós, a única forma de acompanhar as mudanças e etapas de crescimento do bebê, era através do crescimento da barriga.

Hoje percebemos o quanto a ciência, saúde e tecnologia se desenvolveram. Durante a gestação a mulher acompanhar a saúde do bebê e da mãe. Os exames são bem detalhados e servem para detectar qualquer alteração na gestação.

Passo A Passo Da Gravidez

A duração média de uma gravidez é de quarenta semanas, um período de grandes descobertas e modificações no corpo da mulher. Logo que seja confirmado sua gravidez, marque uma consulta com seu médico e acompanhe passo a passo esta fase maravilhosa.

Geralmente as primeiras três semanas são as mais difíceis da gestação, pois muitas mulheres sentem enjoos, mudanças de humor, sonolência intensa entre outros sintomas. Com seis semanas, o bebê esta do tamanho de um grão de feijão.

E se pudesse vê-lo iria perceber que ele tem a cabeça maior que o resto do corpo. Com oito semanas, seu útero começa a crescer. Ao completar quatorze semanas, seu bebê já mede nove centímetros e pesa quarenta e cinco gramas.

Passo A Passo Da Gravidez

Quando completa dezessete semanas o bebê mede treze centímetros e pesa cento e quarenta gramas. Dezenove semanas, já apresenta desenvolvimento sensorial, os neurônios já estão ligados ao sentido do olfato, visão, audição e paladar.

Chegando a vinte e uma semanas, seu bebê já ouve sua voz. Por isso sempre que for possível faça carinho em sua barriga e converse com seu bebê. Ao completar trinta e três semanas seu bebê pesa cerca de dois quilos e mede cerca de quarenta e quatro centímetros.

Com trinta e sete semanas, já pesa aproximadamente dois quilos e oitocentos gramas. Nesta fase a cabeça do bebê começa a se posicionar em direção a cavidade pélvica. Completando as quarenta semanas, seu bebê esta pronto para nascer.

Os órgãos estão prontos, já ganhou peso e a camada de pele que protegeu o bebê durante a gestação começa a se perder. Quando isto acontece a criança já esta pronta para vir ao mundo.

Foto 1:www.flickr.com/photos/21379118@N07/4441624337/ Morristowne

Foto 2:www.flickr.com/photos/63894760@N00/507584098/ Pensiero

por em Gravidez

Ainda sem Comentários

A-Importância-Do-Pré-Natal2

O pré natal é o acompanhamento feito por uma equipe de profissionais a gestante. O objetivo deste acompanhamento é prevenir e tratar possíveis problemas com a saúde da mulher grávida e sua gestação.

E o mais importante é acompanhar a formação do bebê. Durante a gravidez, muitas mudanças acontecem no corpo da mulher e este período exige cuidados especiais. O pré natal vai além do cuidado da saúde física.

A Importância Do Pré Natal

Durante este período que o médico orienta a mulher sobre sua gravidez. Os cuidados que ela deve ter com relação a nutrição, exercícios, o trabalho de parto, leitamento e outros temas referentes a gestação.

A primeira consulta deve ser realizada o mais cedo possível e que não ultrapasse o primeiro trimestre de gravidez. Assim que perceber que esta grávida, marque uma consulta para iniciar os cuidados do pré natal.

É importante passar para o médico todas as informações a seu respeito, como doenças de infância, problemas de saúde, histórico familiar e outros assuntos que possam ajudar seu médico.

A Importância Do Pré Natal

Aproveite a consulta de pré natal para tirar suas dúvidas e desta forma vai se sentir mais segura. Algumas vezes outros profissionais da saúde, além do obstetra são requisitados para avaliar e orientar a gestante.

Muitos dos problemas são hereditários e colocando seu médico a par da situação, este poderá te ajudar. Não esconda nada de seu médico é importante que ele saiba se é fumante ou que ingere bebidas alcoólicas com frequência.

As consultas devem ser mensais até o sétimo mês de gestação e quinzenal a partir dai. Tenha sempre a mão o seu cartão de acompanhamento do pré-natal, preenchido com todos os dados importantes.

Procure não faltar as consultas e exames marcados. O ideal é que o pré natal seja iniciado tão logo o desejo pela maternidade se manifestasse. Assim estará pronta quando engravidar.

Foto 1:www.flickr.com/photos/7339862@N08/6809013123/ 6809013123/ kim-by-the-sea

Foto 2:www.flickr.com/photos/51288948@N00/2564289898/mosippy

por em Parto

Ainda sem Comentários

Os-Benefícios-Do-Parto-Normal

Caso possa ter sua criança de parto normal é a melhor opção. No parto normal a criança respira melhor, o leite desce mais rápido e a recuperação também é mais rápida. O parto normal é um processo natural de uma gravidez.

Por esta razão descarte a cesária caso não tenha sido indicada por seu médico. Quando a criança passa pelo canal da vagina, o tórax do bebê se comprimi, assim como o resto do corpo.

Neste processo o líquido amniótico é expelido pela boca de dentro de seus pulmões, isto ajuda e facilita a criança respirar. Com a cesária o bebê pode apresentar um desconforto respiratório e desenvolver insuficiência respiratória e também pneumonia.

Quando a mulher esta no trabalho de parto, o organismo libera um hormônio chamado ocitocina e prolactina, isto ajuda a dilatar os alvéolos, onde é produzido o leite e todas as estruturas da mama envolvidas com a lactação, proporcionando maior produção de leite.

Com a cesária a descida do leite demora um pouco mais, leva de dois a cinco depois que o bebê nasce para o leite aparecer. Muitas mulheres, fogem do parto normal por medo da dor. Mas hoje as futuras mamães podem contar com a analgesia ela controla a a dor na hora do parto.

É uma anestesia que possibilita amenizar a dor na hora do parto, mas não tira totalmente a sensibilidade na região pélvica. Afinal é importante sentir as contrações e ajudar a impulsionar o bebê para fora.

O melhor do parto normal, a recuperação é rápida, após algumas horas a mamãe pode levantar e caminhar. Quarenta e oito horas após, mãe e bebê estão liberados. No caso da cesária a mulher só recebe alta entre sessenta e setenta duas horas após o parto e leva geralmente de trinta a quarenta para recuperação da cirurgia.

Foto 1:www.flickr.com/photos/69875775@N06/7537631168/PJGir

Foto 2: www.flickr.com/photos/7195076@N06/2072569294/dani.f2

por em Sintomas

Ainda sem Comentários

Sintomas-Que-Indicam-O-Início-Do-Parto2

O sintomas na hora do parto é diferente de mulher para mulher, sendo impossível saber quando ele começa. Quando os sintomas do parto se apresentam, ocorre várias mudanças fisiológicas em seu corpo.

Alguns sinais que podem ocorrer nas semanas ou dias que antecedem o trabalho de parto: Quando se aproxima o parto, seu colo do útero fica cada vez mais fino, macio e dilatado. Estes sintomas é comprovado pelo obstetra quando realiza o exame de toque.

Sintomas Que indicam O Início Do Parto

Muitas mulheres tem dilatação, mas não entram em trabalho de parto. As contrações acontecem com intervalos mais longos e vai encurtando. E conforme o tempo passa as contrações vão aumentando.

Com à aproximação do parto, as contrações aparecem regulares com intervalo de cinco a dez minutos. Ao final passa ser a cada dois ou três minutos com duração de trinta a quarenta e cinco minutos.

Sintomas Que indicam O Início Do Parto

É muito comum ter dor lombar, muitas vezes acompanhada de uma cólica forte. Um sinal característico é o aparecimento de uma secreção de muco na cor amarronzada ou com traços de sangue.

Quando a bolsa rompe, nem sempre vem acompanhada das contrações. Você só estará em trabalho de parto quando também tiver contração. Caso não tenha contração mesmo com o rompimento da bolsa, o parto terá que ser induzido.

Depois de algumas horas sem resultado, o procedimento será fazer uma cesariana. Para saber se esta perdendo líquido amniótico, use um absorvente limpo e depois de meia hora verifique se esta seco, úmido ou encharcado.

Quando o parto esta próximo, o bebê se encaixa e a barriga fica mais baixa. No comecinho do trabalho de parto, procure manter a calma e fique relaxada. Isto vai ajudar na evolução do seu trabalho de parto e das contrações. O corpo da mulher começa a se preparar para o parto um mês antes de o bebê nascer.

Foto 1:www.flickr.com/photos/7195076@N06/2072569294/dani.f2

Foto 2: www.flickr.com/photos/47947583@N00/218574269/ gabi_menashe

por em Sintomas

Ainda sem Comentários

Principais-Sintomas-No-Início-Da-Gravidez2

Algumas mulheres apresentam apenas um ou dois sintomas no começo da gravidez. E muitas não sentem nada. Para outras, a gravidez pode passar completamente despercebida por semanas, e a desconfiança só surge quando a menstruação não vem.

Os sintomas mais comuns são: Quando a pele da aréola, em torno do mamilo fica mais escura e as veias dos seios, mãos ou pés ficam mais acentuadas. Caso esteja grávida, com oito dias depois da ovulação, pode ocorrer pequenos sangramentos vaginais e um pouco de cólica.

Principais Sintomas No Início Da Gravidez

Outro sinal é a vontade de fazer xixi a toda hora. Isto acontece quando o embrião se implanta e começa a produzir o hormônio gonadotropina coriônica humana o HCG. Porém para algumas mulheres, fazer mais xixi é uma característica do período pré-menstrual, sendo assim o sintoma pode ser mascarado.

Muitas mulheres no início da gravidez, apresentam um grande cansaço e muito sono. Isto porque o organismo da mulher grávida apresenta uma alta concentração de progesterona que a deixa exausta. O sono excessivo é uma característica do início da gravidez.

Principais Sintomas No Início Da Gravidez

Quando se esta grávida, os seios ficam cada vez mais inchados e doloridos. Os mamilos também podem ficar mais sensíveis. Quando o organismo se acostumar aos novos níveis hormonais, o incômodo melhora.

Um sinal muito frequente é a alteração do paladar e olfato. Muitas não suportam cheiro de alho ou aquele alimento que você gosta muito, passa a não gostar. Outro sintoma que incomoda muito são os enjoos.

Caso Tenha o ciclo menstrual regular e sua menstruação esta atrasada, o melhor é fazer um teste de gravidez. Pode ser um teste de farmácia. Caso o teste dê positivo, procure seu médico de confiança e comece o pré-natal.

Começando o tratamento no início da gestação só traz benefícios ao feto. Há um controle da glicose no sangue é indicado ácido fólico, ferro e controle da pressão arterial. E o mais importante evitar o consumo de álcool ou drogas nocivas ao bebê.

Foto 1:www.flickr.com/photos/42569901@N05/8553932261/ Vinicius_Ldna

Foto 2:www.flickr.com/photos/74747535@N00/4596409563/ Sebastien LABAN